Déficit habitacional é problema comum a todas as regiões, indica FGV/DAPP

  • Home
  • Notícias
  • Déficit habitacional é problema comum a todas as regiões, indica FGV/DAPP

O déficit habitacional continua sendo um problema comum a todas as regiões do Brasil, sobretudo nas grandes metrópoles do Sudeste, do Sul e do Nordeste. É o que indica a análise de rede feita pela Diretoria de Análise de Políticas Públicas (FGV/DAPP) entre 25 de julho e 1º de agosto. Foram monitoradas 36 mil menções nas redes socais ligadas à falta de moradia, habitação precária e vulnerabilidade em razão do preço dos aluguéis.

O mapa de menções mostra que as referências têm relação próxima com a distribuição populacional e o acesso à internet – o que revela dimensões similares do problema nas diferentes regiões. As menções positivas ao programa "Minha Casa Minha Vida" foram mais que o dobro das negativas, sugerindo que políticas públicas para o setor tendem a ser bem avaliadas, ainda que haja clara percepção de déficit de habitação. Já as referências à casa própria destacam a posse do imóvel como referência de cidadania entre os brasileiros.

O levantamento foi publicado ontem, 3 de agosto, no jornal O Globo, sendo o terceiro da parceria firmada entre a FGV/DAPP e o veículo. Os dois primeiros trataram dos temas “Água” e “Inflação”. As análises, sempre relacionadas a políticas públicas, serão divulgadas todos os domingos até o final do período eleitoral.

Clique aqui e leia mais sobre as análises de rede da FGV/DAPP.

FGV no Maranhão é ISAN!

Voltar

Área do aluno

Para ter acesso a área do aluno, digite seu nome de usuário e senha.

Twitter @ISAN_FGV

Carregando...